• Do Rio pra cá

Filha de espanhol volta às origens em Barcelona

Atualizado: Mar 9


Eu, Isabella, Bella Ruas, e o sol gostoso de Barcelona ( Foto: Arquivo pessoal)

Desde a primeira vez que vim à Espanha, tive muita expectativa em saber se iria me reconhecer ou me sentir identificada com as minhas origens. Explicando melhor. Eu, como brasileira e filha de um galego que imigrou para o Brasil ainda criança, tinha essa possibilidade imaginária de me reconhecer ou, quem sabe, não!


Assim, que apesar dessa minha primeira viagem ter sido programada durante meses para percorrer vários países da Europa, a chegada à Espanha teve um sabor diferente.


Seriam 40 dias de viagem. Planejei tudo de uma maneira que a Espanha fosse minha base para pequenas viagens a outros lugares: Londres, Paris, Amsterdam e Roma. Mas, também tinha claro na minha mente que queria conhecer mais de uma região ou cidade em terras espanholas.


Paseo del Prado em Madrid, um dos meus locais prediletos na cidade. ( Foto: Pixabay)

A BELEZA DE MADRID


Madrid me fez sentir em casa. Inesquecível chegar do aeroporto diretamente à imponente Gran Via. Depois, já na cidade, me deparei com a beleza do boulevard Paseo del Prado. No entanto, depois que voltei de Londres, minha segunda parada durante essa viagem, entendi que Barcelona seria mais cômoda e estratégica para realizar esses pequenos trajetos de idas e vindas pela Europa.


E, lá fui eu, cruzar a Espanha de ônibus até entender mais sobre Barcelona. Cidade que para mim sempre foi uma referência de design e arquitetura, mas que naquela época não tinha nenhuma conexão em especial. E, assim, foi meu primeiro contato com a cidade que, hoje, já roubou meu coração.


A catedral da Sagrada Família de Gaudí em Barcelona, minha admiração de sempre ( Foto: Acervo pessoal)

O QUE BARCELONA TINHA OU TEM DE DIFERENTE?


Hoje, estou convencida de que a presença do Mediterrâneo foi decisiva para estabelecer essa minha conexão com a cidade, com essa vontade de morar em Barcelona. Além disso, minha avó materna era italiana, o que de alguma forma também contribuiu para me conectar. Esse clima da cultura de países mediterrânicos me envolveu.

Mesmo encasacada em Barceloneta à beira do Mediterrâneo ( Foto: Acervo pessoal)

Depois que voltei dessa primeira viagem, já no Brasil, vendo as fotos, me dei conta que dos quarenta dias, 15 foram dedicados a Barcelona. Daí em diante, soube que esse destino seria mais frequente na minha vida. Seria meu lar.


Sempre dizia e pensava: “um dia ainda venho pra morar aqui”. Os anos se passaram, muitas coisas aconteceram, muitas férias foram passadas na cidade. Até que esse dia chegou. E, aqui, estou eu, morando em Barcelona.


A cidade tem uma arquitetura majoritariamente Art Nouveau, mas ainda mantem muitas áreas conservadas da época medieval: uma beleza!


Chegar e dar de cara com a avenida Paseo de Gracia e seus imponentes edifícios já é um espetáculo. A presença viva de Antonio Gaudí e de suas grandes obras como a Casa Batlló e La Pedrera são inesquecíveis. Sem contar, é claro, com a catedral da Sagrada Família e o parque Guell, outros exemplos maravilhosos do trabalho desse grande artista espanhol.


MINHA REINVENÇÃO COMO PROFISSIONAL


Há pouco, acabo de completar dez anos de vida em Barcelona. Tudo começou com a desculpa de estudar durante um ano por aqui. Nunca mais voltei.


No início, não foi uma mudança definitiva e planejada. A ideia era somente viver um tempo para passar pela experiência de morar fora. Foi um engano. O ano passou voando e a cada volta ao Brasil parecia mais uma visita ou uma viagem de férias.


O desejo de voltar para a cidade, que passou a ser meu lar, só aumentava a cada viagem ao país onde nasci. Nessa época, vivia no bairro de Gracia, um lugar super charmoso da cidade com seus edifícios pequenos, ruas de pedestres cheias de cafés e bares. Meus preferidos até hoje são o restaurante japonês Kibuka e o bar Canigó local charmoso que existe desde 1922.

Em Gracia, bairro que morei, tem baile em uma praça aos domingos. ( Foto: Acervo pessoal)

Mas, como deixar toda uma vida pra trás no Brasil? Não saberia responder! Acho que foi tudo acontecendo naturalmente. Quando me dei conta já estava estabelecida. Tive que me reinventar profissionalmente, algo que me preocupava. Mas, até nessa questão a cidade me mostrou o caminho a seguir.


Barcelona é um dos destinos turísticos mais procurados do mundo. A oferta de alojamento é grande. Quanto mais atrativos e charmosos são os apartamentos mais chances de chamar atenção dos que procuram por uma estadia agra

Sou carioca. Tenho formação em Publicidade e Marketing. No Brasil, trabalhava com visual merchandising e criava vitrines e estandes para feiras e decorava eventos.


Isso tudo me deu a possibilidade de desenvolver meu trabalho como decoradora colaborando com uma empresa local de aluguel de apartamentos por temporada chamada Viver Barcelona . Assim, me reinventei e montei a Bella Ruas Interior Design, minha empresa de decoração express de interiores.


O que é isso? Conto no próximo texto. Tenho muita coisa para falar sobre essa minha nova vida nessa cidade que amo, Barcelona!


E, continue seguindo o nosso time e nossas convidadas no Instagram e no Facebook. Tem sempre dicas e histórias diferentes de vários locais do mundo.

0 visualização

siga!

  • Facebook - White Circle
  • Instagram - White Circle
  • YouTube - White Circle