• Do Rio pra cá

Um grito de liberdade!

Atualizado: 5 de Out de 2019


Rio de Janeiro, hora de se despedir. Assim esgotei todas e quaisquer possibilidades de permanecer naquela cidade grande, ou que tentava ser grande... nasceu linda, sedutora, envolvente, nunca me deixou sair, nunca se quer desejei sair. De paisagens incomparáveis, de gente linda e querida, de música boa, ou melhor excelente! De cores!

A necessidade de me sentir bem, de viver bem, de amar e ser amada, de gozar dos prazeres da vida ,ali já não era possível. O ritmo mudou, o som tampouco, a luz, o verso, nada mais tinha graça, o coração apertou. Tive necessidade de sair correndo, e assim o fiz. Vou ali e não sei se volto... vontade não há. Deixo pra traz saudade de um lugar que por hora não mais existe, deixo amores, muitos verdadeiros amores, mas que preciso me reestabelecer para vivê-los intensamente como mereço.

As cores já não tinham brilho, os olhares passavam direto, os encontros cada vez mais raros, a violência cada vez mais presente...

Fechar o vidro diante de uma criança, baixar a cabeça para um pedinte, pular sobre um adormecido, como se fosse uma pedra sem vida e sem importância , nunca foram pra mim atos possíveis, não fazia o menor sentido, me feria diariamente. Cenas já cotidianas que como faca perfurava cada dia mais meu peito... doía cada vez mais. Não me reconheço mais aqui. Hora de soltar as amarras...

O novo lugar, cheio de magias, me recebia de braços abertos. Os abraços voltaram a ser apertados e demorados, os olhos de novo mergulhavam nos do próximo, a música ouvida como merecia ser e tudo foi de novo ganhando cor. Consegui completar uma respiração e mais que isso! Sentir o quanto é bom respirar. O ritmo foi voltando ao normal, a natureza foi me invadindo. O sol, a lua ,o verde, a gentileza,o azul,a cooperação, o horizonte, o céu, a palavra “Serena”... as coisas essenciais da vida foram se reaproximando e me alimentando para encarar aquela repentina mudança. Fui ganhando forças novamente para recomeçar tudo de novo! Que prazer!

Rio, sigo torcendo por sua reinvenção, obrigada por tudo que vivi, Floripa, aí vamos nós!

Filho, você me faz muita falta.

Quer acompanhar nossas histórias pelo mundo?

Então passa lá na nossas páginas no Facebook, Instagram, YouTube.

Sobre mim Violeta Reis - Sou Fisioterapeuta, amante do esporte e da vida! Tenho 41 anos e sou mãe de 3 filhos! Feliz com propósito de levar a alegria para as pessoas ! Amo gente e amo cuidar de gente! Viver a vida é o que mais gosto de fazer

#Floripa #Florianopolis #Seulugar #Dicas #VioletaReis #Brasil #Convidados #Mudança #mudaréviver #Mudarparamelhor

91 visualizações

siga!

  • Facebook - White Circle
  • Instagram - White Circle
  • YouTube - White Circle